Poesias

As poesias são um caminho por onde passo e me refaço. São companheiras, crianças matreiras sem dono, sem doma que chegam risonhas e somem quando bem lhes apraz. É bom conviver com elas e suas fugas porque procura-las faz parte de um universo que teima, mas nos empresta poema.